Mensagens populares

quarta-feira, julho 16, 2008

A LÍNGUA PORTUGUESA É TÃO BONITA...

Com o novo acordo ortográfico, isto passou a ser "bom português", no futuro todos falaremos e escreveremos assim?

Alevantar

O acto de levantar com convicção, com o ar de "a mim ninguém me come por parvo!..." Alevantei-me e fui-me embora!

Amandar
O acto de atirar com força: "O guarda-redes amandou a bola para bem longe da baliza".

Aspergic
Medicamento português que mistura Aspegic com Aspirina.

Assentar
O acto de sentar, só que com muita força, como fosse um tijolo a cair no cimento.

Capom
Tampa de motor de carros que quando se fecha faz POM!

Defícil
O contrário de fácil, muito utilizado por políticos e intelectuais.

Destrocar
Trocar várias vezes a mesma nota até ficarmos com a mesma.

Disvorciada
Mulher que se diz por aí que se vai divorciar.

É assim...
Talvez a maior evolução da língua portuguesa. Termo que não quer dizer nada e não serve para nada. Deve ser colocado no início de qualquer frase. Muito utilizado por jornalistas e intelectuais.

Entropeçar
Tropeçar duas vezes seguidas.

Êros
Moeda alternativa ao Euro, adoptada por alguns portugueses.

Falastes, dissestes...
Articulação na 4ª pessoa do singular. Ex.: eu falei, tu falaste, ele falou, TU FALASTES..

Fracturação
O resultado da soma do consumo de clientes em qualquer casa comercial. Casa que não fractura... não predura.

Há-des
Juntamente com o "É assim", faz parte das grandes evoluções da língua portuguesa. Também sem querer dizer nada, e não servindo para nada, pode ser usado quando se quiser, porque nunca está errado, nem certo. É assim... tipo, 'tás a ver?

Inclusiver
Forma de expressar que percebemos de um assunto. E digo mais: eu inclusiver acho esta palavra muita gira. Também existe a variante 'Inclusivel'.

Lidel
Não confundir com Fidel. "Onde vais?Vou ao Lidel comprar cebolas..."


A forma mais prática de articular a palavra MEU e dar um ar afro à língua portuguesa, como "bué" ou "maning". Ex.: Atão mô, tudo bem?

Nha
Assim como Mô, é a forma mais prática de articular a palavra MINHA. Para quê perder tempo, não é? Fica sempre bem dizer "Nha Mãe" e é uma poupança extraordinária.

Númaro
Também com a variante "númbaro". Já está na Assembleia da República uma proposta de lei para se deixar de utilizar a palavra NÚMERO, a qual está em claro desuso. Por mim, acho um bom númaro!

Parteleira
Local ideal para guardar os livros de Protuguês do tempo da escola.

Perssunal
O contrário de amador. Muito utilizado por jogadores de futebol. Ex.: 'Sou perssunal de futebol'. Dica: deve ser articulada de forma rápida.

Pitaxio
Aperitivo da classe do 'mindoím'.

Prutantos
Excelente para iniciar qualquer explicação mais complexa dando a entender que sabe o que vai dizer.
Ex: Prutantos, aquilo funciona assim e tal... precebestes?

Prontus
Usar o mais possível. É só dar vontade e podemos sempre soltar um "prontus"! Fica sempre bem.

Prutugal
País ao lado da Espanha. Não é a Francia.

Quaise
Também é uma palavra muito apreciada pelos nossos pseudo-intelectuais... Ainda não percebi muito bem o quer dizer, mas o problema deve ser meu.

Stander
Local de venda. A forma mais famosa é, sem dúvida, o "stander" de automóveis. O "stander" é um dos grandes clássicos do "português da cromagem"...

Treuze
Palavras para quê? Todos nós conhecemos o númaro treuze.

17 comentários:

_ba_ disse...

Isto agora é que vai ser: se isto começa a ser o nosso "dia-a-dia" vou deixar de estar entretida a fazer correcções lol
Por outro lado sou completamente contra estas "modernices" e no que depender de mim o meu filho também não irá nestas coisas mas enfim ..."há-des cá vir há-des" lol

Ka disse...

looool e ainda aprendi aqui algumas...ahahah

E agora alevanto-me e bou travalhar ...ahahahaha



beijinhooooossss

maria disse...

Prontus...prutantos é assim...
Eu tava aqui assentada, alevantei-me só pa te amandar um beijo pruque tu falastes, tu dissestes, inclusiver.
Foi muito defícil...entropeçei na parteleira e fiz uma fracturação no mô pé...quaise que partia a nha perna...bolas!
Agora vou ao Lídel destrocar uns éros e comprar aspergic e pitaxios.

Beijinhooos aqui do Prutugal,
maria

Antunes Ferreira disse...

LISBOA - PORTUGAL

Olá!

Cheguei a este blogue através de outros que costumo visitar e neles postar comentários. Cheguei, vi e… gostei. Está bem feito, está comunicativo, está agradável, está bonito – e está bem escrito. Esta é uma deformação profissional de um jornalista e dizem que escritor a caminho dos 67…, mas que continua bem-disposto, alegre, piadista, gozão, e – vivo.

Só uma anotaçãozinha: Durante 16 anos trabalhei no Diário de Notícias, o mais importante de Portugal, onde cheguei a Chefe da Redacção – sem motivo justificativo… E acabo de publicar – vejam lá para o que me deu a «provecta» idade… - o me(a)u primeiro livro de ficção «Morte na Picada», contos da guerra colonial em Angola (1966/68) em que bem contra vontade, infelizmente participei como oficial miliciano (obrigatório, porque vindo da Universidade).

Muito prazer me darás se quiseres visitar o meu blogue e nele deixar comentários. E enviar-me colaboração. Basta um imeile / imilio (criações minhas e preciosas…) e já está. E se o quiseres divulgar a Amiga(o)s, ainda melhor. Tanto o blogue, como o imeile, tá? Muito obrigado

www.travessadoferreira.blogspot.com
ferreihenrique@gmail.com

Abração e queijinhos (rima com beijinhos…) prás mininas

PS – Estou a trabalhar para fazer do meu blogue um ponto de encontro entre Brasil (que conheço bastante bem) e Portugal e, obviamente, entre as suas gentes. Malta: colaborem! Outro obrigado, minha gente.

jeanny disse...

este blog ta demais!simplesmente adorei.
vim ca por intermedio do rafeiro e adorei.disvorciada!lol

DANTE disse...

Esqueceste-te do IMEN...
A malta só se lembra das coisas importantes quando alguem morre ;P

braxolas Knopp

Rafeiro Perfumado disse...

"Tu falaste" acho que tem mais a ver com uma pessoa fazer um falátio a si próprio...

Skynet disse...

Esqueceste-te dos toxicoindependentes, que são ainda mais perigosos que os toxicodependentes ;)

KNOPPIX disse...

_Ba_ são muitos anos a virar frangos e cotas como tu não aderem ao novo acordo ortográfico com 2 tretas lol

Beijocas ;)

KNOPPIX disse...

Ka, estamos sempre a aprender, quanto mais não seja, o que não devemos :p

Alevanta-te lá e bom trabalho, beijinhos.

KNOPPIX disse...

maria fizeste-me rir, deve-te ter dado uma trabalheira escrever aquilo lol

Beijocas e as melhoras :p

KNOPPIX disse...

Caro Antunes, é sempre com prazer que recebo visitantes novos, obrigado pelos elogias que teceste, não são totalmente desmerecidos cof cof cof.

Aceito o teu convite e visitarei o teu Blog, está prometido.

Um abraço e volta sempre que quiseres.

KNOPPIX disse...

jeanny, ainda bem que gostaste, é esse objectivo, divertir quem me visita ;)

E as disvorciadas "andem" aí, essas e as "dequistadas" lololol

Beijocas e volta sempre

KNOPPIX disse...

dante esqueci-me de tanta coisa, das "almorroidas", ou "morrodias" ou coisa que o valhe, os tugas para inventarem é com eles, lol

E o "imbigo"? Essa é linda ahahahah

Abração

KNOPPIX disse...

rafeiro tu muito gostas de falar dessas coisas pá, vai mas é beber um café com cheirinho (risos).

Abração

KNOPPIX disse...

skynet essa também está muito boa, lembro-me quando ouvi isso da 1ª vez o que eu muito me ri, no programa "Vai tudo abaixo" que passa na Sic Radical, esses gajos são o delírio ;)

Um abraço e obrigado pela visita ;)

tronxa disse...

faltaram algumas... mas é impossivel escreve-las todas!!

eu nos meus anos de trabalho deparei-me com muitas, algumas nao deram para conter o riso e desmanchei-me a rir a frente das pessoas!!

oh ka vergonha...

"a sinhora vai sempre assim, controla a rotuder e vira na 2a à eskerda(???) na rua dos ócalitres"
esta foi uma das k eu nao me aguentei... dito por um alentejano velhote para me indicar o caminho a seguir!

bjnhssssss kno