Mensagens populares

quarta-feira, abril 02, 2008

EFEMÉRIDE

Comemora-se hoje o Dia Mundial do Livro Infantil, bem como o nascimento de Hans Christian Andersen, o autor de tantas histórias que povoaram de sonhos a nossa infância, como a linda e intemporal história do Patinho Feio.

Numa sociedade cada vez mais consumista, será que as crianças de hoje ainda se deixam encantar pelas histórias infantis, acreditam em fadas, duendes, castelos encantados, essas personagens que fazem do universo dos contos infantis um lugar vocacionado para que a imaginação fervilhe e invente continuidades para essas histórias que lemos quando crianças?

Eis a questão de hoje, o que pensam?

16 comentários:

Vania disse...

Eu trabalhando com as crianças de hoje e numa sociedade mais libertina. Digo-te que elas ainda acreditam em tudo o que a gente acredita.
Claro que agora temos os pcs, jogos que são introduzidos cada vez mais cedo as crianças, mas isso não alterou nada.
Uma coisa que eu acho é que a gente antigamente tinhamos muito mais liberdade como crianças que as crianças tem agora.

Eu pequenina brincava, jogava na rua, nos parques e não era preciso estar adultos ao pé de mim, e agora quem consegue deixar uma criança a jogar com as outras crianças nos parques sem ter de tar a vigiar?

A sociedade muda, muitas coisas mudam mas a imaginação das crianças fica a mesma ;)

DANTE disse...

A mione ainda gosta do d'artacão...
lollllllllllllllllllllll
Braxolas knopp

paulofski disse...

Ai as histórias do faz-de-conta!

Bem lembrado...

Abraço Knopp

Kok disse...

Mas as crianças de hoje ainda lêem??

Ka disse...

Olha nem de propósito tinha um post sbre este assunto que acabei de colocar no meu blog :)

Considero importantíssimo habituar as crianças a lerem desde pequenas. Como digo no meu post "de pequenino se torce o pepino" :)

Beijossssss

maria disse...

Eu cresci a ouvir histórias dessas e adorava...ainda hoje acho-as muito bonitas, principalmente porque nos ensinavam muita coisa e também a sonhar, coisa que nunca fez mal nenhum a criança nenhuma.
Hoje em dia as crianças não lêem e se sabem algumas destas histórias é porque alguém as leu, mas apenas as apreciam enquanto são muito pequeninas...
As meninas ainda as ouvem, mas os rapazes não ligam muito...o que é uma pena, só lhes fazia bem.
Beijokas,
maria

korrosiva disse...

As crianças, adoram, duendes, mostros, fantasia, basicamente tudo o que seja de um "outro mundo"
Basta lerem qualquer Jornal semanario que elas vão.. ADORAR!!!

Beijinhosss ;)

korrosiva disse...

Ahhh... mostros tb devem gostar, para no caso era mesmo Monstros!!! lollllll

KNOPPIX disse...

Vânia, concordo contigo, as crianças ainda acreditsam em tudo que a gente lhes diz, mas a magia dura cada vez menos tempo, as crianças cada vez mais cedo deixam de acreditar no Pai Natal, por exemplo.

Também antigamente, as crianças tinham mais liberdade, como tu dizes, podia-se brincar na rua até de noite, lembro-me das noites de vrão em que depois de jantar, ia sempre brincar com os meus vizinhos até às 10H00, 10H30 na rua, os pais não tinham preocupações de segurança como agora, eram tempos mais despreocupados.

Hoje as crianças também têm o tempo mais ocupado, muito por culpa da própria actividade profissional dos pais, passam o dia na escola ou em a.t.l's, chegam a casa quase sempre no final do dia, só há tempo para o banho, jantar, brincarem um pouco, e os dias decorrem assim.

As consolas também contribuiram para que a criança se "feche" mais em casa e têm um defeito, para mim, as crianças deixam de "inventar" brincadeiras, limitam-se a estar ali a olhar para a tv e a jogar mecânicamente esses jogos, os pais sabem que eles estão ali e por vezes acomodam-se a isso, não os incentivam a brincar "lá fora" ou outro tipo de brincadeiras mais inter-activas.

Beijinhos para ti :)

KNOPPIX disse...

Dante ela gosta é de dançar a música do Dartacão lol
Um abraço

KNOPPIX disse...

Paulofski, essas histórias ainda fazem parte do meu imaginário :)
Um abraço

KNOPPIX disse...

Kok, ainda existem crianças que consideram a leitura uma porta aberta para a imaginação, ainda bem!
Um grande abraço

KNOPPIX disse...

Querida Ka, concordo contigo, o gosto pela leitura cria-se, ensina-se, estranha-se e depois entranha-se ;)

Beijinhos doces :)

KNOPPIX disse...

Maria há de tudo, como na farmácia, meninos e meninas que gostam de ler, ler é algo que deve ser cultivado, ensinado, porque ainda continua a ser, para mim, uma das portas que melhor nos permite conhecer o mundo real e o ficcionado.

Beijinhos

KNOPPIX disse...

Korrosiva, nem mais lol
Certos jornais como o 24 Horas, além dos monstros ainda têm o bónus de estarem cheios de histórias da carochinha ahahahah

Beijocas

Girafa cor de rosa disse...

Já não venho a tempo para comentar no devido dia, mas este é um tema que me interessa bastante. Acredito piamente que as crianças, se forem despertadas para tal, continuem a deliciar-se com histórias infantis (as minhas crianças todas as noites pedem-me para ler uma). E o mais positivo que tenho a dizer-te é que sei que existem, actualmente, autores fabulosos de literatura infantil, como António Mota e Luisa Ducla Soares. Os livros de outros tempos eram excelentes, mas agora, posso garantir-te que existe uma oferta variada muito boa de literatura infantil. Eu tenho-os devorado com os meus filhos, e continuam a transportar-nos para o mundo encantado das fadas, duendes e outros que tais!